As vantagens de utilizar o WordPress nos seus sites

Atualmente cerca de 35% dos sites em todo o mundo tem como base o WordPress, sendo atualmente o mais utilizado do mundo. Com este, é possível construir qualquer tipo de website, desde simples sites de presença, a sites de negócios como restaurantes, ginásios ou lojas online.

A maior prova de que é um construtor de sites extremamente fiável é o facto de grandes empresas como a Walt Disney Company, Sony Music ou a BBC America ou mesmo o portal de dados do governo norte-americano, confiarem no WordPress. Estes são apenas alguns dos milhares de exemplos.

Uma das grandes vantagens do WordPress é o facto de existir uma enorme quantidade de templates (ou temas) que poderão ser usadas com alguma facilidade. Existem templates gratuitas e pagas. Mas mesmos estas poderão ser sempre personalizáveis, sendo mesmo aconselhável que o faça.

O WordPress permite um controlo completo sobre todos os aspetos de um website permitindo construir qualquer tipo de website: lojas online, foruns, redes sociais, sites pessoais e muitos outros géneros.

Existem milhares de temas pré-definidos no WordPress que poderão ser utilizados com relativa facilidade. Além disso existem alguns construtores de sites que poderão ser utilizados com base na estrutura do WordPress como o Elementor, Beaver ou Divi que permitem criar os próprios layouts.

Para uma personalização mais avançada, no meu caso, normalmente utilizo o Divi, da Elegant Themes, um dos mais conhecidos construtores de websites. Divi inclui alguns layouts já construídos para um vasto tipo de indústria (ginásios, cafés, restaurantes…), mas também é possível construir sites de raíz.

O WordPress dá também acesso a centenas de milhares de plugins, um género de apps que permitem adicionar funcionalidades ao website como formulários de contacto, galerias de fotos, ferramentas para redes sociais, chats, etc…

Além disso o WordPress está traduzido em dezenas de linguas o que permite a criação de sites preparados para várias linguas em simultâneo.

O WordPress vem ainda preparado para receber plugins de Search Engine Online (SEO) que possibilitam colocar os seus sites entre as melhores posições nos motores de busca. Entre os mais utilizados estão o Yoast, The SEO Framework ou o Rank Math.

Estas são algumas das razões que tornam o WordPress, o construtor de sites mais utilizado no mundo, tanto pelos web designers como pelos próprios donos de negócios.

Quando comparado com outros construtores de sites, o WordPress é de longe o mais barato e versátil do mercado.

A principal desvantagem do WordPress é o facto de ser necessário gerir o próprio website sendo assim essencial estar familiarizado com a sua forma de trabalhar. Não sendo demasiado complexo, também não usa um sistema simples de drag and drop como outros dos seus concorrentes.

O utilizador também tem que ter em atenção que o WordPress necessita de alguns cuidados regulares como efetuar os updates tanto do WordPress como dos plugins instalados ou criar backups com regularidade, para o caso de algum problema surgir.

O WordPress é um construtor de websites grauito, no entanto, para o colocar em funcionamento, precisa de um domínio e alojamento. O domínio custa aproximadamente 15 euros por ano, enquanto o preço do alojamento poderá variar muito consoante as suas característica, mas poderá conseguir preços a partir de 5 euros por mês para sites que não exijam grande consumo de recursos.